Mulheres Negras discutem controle social na saúde em Seminário

Seminário de Saúde da população negra e AIDS: Fortalecendo ações coletivas para o controle Social acontece durante os dias 18,19 e 20, o seminário é realizado pela Associação Cultural de Mulheres Negras com parceira da Rede Lai Lai Apejo e a Articulação de Organizações de Mulheres Negras Brasileira. A proposta do seminário é discutir durante os três dias a luta dos movimentos negro e de mulheres negras para a implementação da saúde da população negra e os entraves na atualidade para o avanço efetivo da política, bem como estruturar estratégias de mobilização para o exercício do controle social. 
No dia 18 Jackeline Romio apresentou o cenário demográfico sobre saúde das mulheres negras.  Jurema Werneck apresentou o cenário de luta de pelo direito à saúde integral, em uma linha de tempo, desde o sistema escravocrata e da construção do campo de luta especifico sobre saúde da população negra com um marco histórico desde a luta das mulheres negras sobre a agenda da saúde reprodutiva, da esterilização das mulheres negras na década de 90. 
O encontro segue até sábado (20 de setembro) com discussões sobre financiamento público na saúde, controle social e a participação das mulheres negras nos conselhos sobre o olhar da interseccionalidade de Raça e Gênero.
O Seminário também ocorre num momento de comemoração e reflexão sobre os 20 anos da ACMUN que ao longo dos anos vem atuando no fortalecimento político das mulheres negras.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s